A derrota para o Santos por 2 a 1 ajudou a consolidar uma série de números negativos do Grêmio no Campeonato Brasileiro. Abaixo da expectativa, o Tricolor tem um dos piores ataques, é dos times com mais expulsões na competição e ainda é uma das equipes que mais comete pênaltis.

O resultado deixou o Grêmio na 14ª colocação, com 17 pontos. Fez o clube cair três posições na tabela, praticamente o que havia subido com a vitória sobre o Coritiba na rodada anterior. Na Vila Belmiro, foram dois pênaltis anotados a favor do Santos.

Assim, o Grêmio igualou-se a Vasco, Corinthians e Coritiba com cinco penalidades cometidas. O Tricolor levou gols assim nos jogos contra Sport, Santos, duas vezes, Flamengo e Inter.

— O nosso diagnóstico é sistêmico. São várias variáveis que temos enfrentado. O próprio entrosamento, pela dificuldade de trazer quem está fora. É uma equipe em transformação e precisamos entender este processo — apontou o diretor de futebol Celson Matte.

Luiz Fernando foi expulso em empate com o Fortaleza — Foto: Eduardo Moura

Luiz Fernando foi expulso em empate com o Fortaleza — Foto: Eduardo Moura

O lance do pênalti de David Braz em Marinho também levou a outra estatística negativa. David Braz recebeu cartão amarelo pela falta e, no último minuto, faria outra no atacante e seria expulso. Foi o quinto cartão vermelho do Grêmio no Brasileirão.

O Tricolor lidera a estatística ao lado de Santos, Vasco, Ceará e Coritiba. Além de Braz, foram expulsos Cortez, Geromel, Matheus Henrique e Luiz Fernando.

Essa não era uma característica do clube nos últimos anos. Para usar os cartões amarelos como exemplo, o time de Renato é um dos menos advertidos, com 27, só atrás de Atlético-MG, com 23, e Atlético-GO, com 26. Os dados são todos do scout da TV Globo.

O ataque gremista também encara dificuldades. São só 14 gols marcados até o momento em 14 jogos disputados. Só Coritiba e Athletico fizeram menos gols, com 10 e 11, respectivamente. O Fortaleza tem os mesmos 14 gols feitos. O artilheiro do Brasileiro, Thiago Galhardo, do rival Inter, tem 13 bolas na rede sozinho.

Ao mesmo tempo, a defesa do clube gaúcho é a quarta melhor do Brasileirão, com 14 gols sofridos, atrás de Inter, com 10, Fortaleza, com 11, e São Paulo, com 13.

O elenco tricolor se reapresenta nesta segunda-feira para iniciar a preparação para o duelo com o Botafogo, às 19h15 de quarta, na Arena, pela 16ª rodada. Atualmente, o Grêmio está na 14ª colocação com 17 pontos, um atrás dos cariocas.

As marcas negativas do Grêmio

Mais pênaltis cometidos

  • Grêmio, Corinthians, Coritiba e Vasco – 5 pênaltis
  • Athletico e Botafogo – 3 pênaltis
  • Ceará, Fluminense, Santos e Sport – 2 pênaltis

Mais cartões vermelhos recebidos

  • Grêmio, Ceará, Coritiba, Santos e Vasco – 5 cartões vermelhos
  • Bragantino e Corinthians – 4 cartões vermelhos
  • Fluminense, Fortaleza, Goiás e Inter – 3 cartões vermelhos

Piores ataques do campeonato

  • Coritiba – 10 gols
  • Athletico – 11 gols
  • Grêmio e Fortaleza – 14 gols
  • Atlético-GO e Sport – 15 gols


Veja também