De olho na Libertadores, Geromel passa “dias inteiros” em tratamento para reforçar Grêmio

Zagueiro tem lesão muscular na coxa direita e é tratado como dúvida para jogo de ida contra o Flamengo, na Arena, marcado para o dia 2 de outubro

19 de setembro de 2019 - Às 12:06
Lucas Uebel / Grêmio FBPA

Apesar de David Braz e Paulo Miranda segurarem as pontas na defesa, a presença de Pedro Geromel em uma decisão dá sustentação diferente ao Grêmio. Por isso, o capitão tricolor faz tratamento manhã, tarde e noite para ficar à disposição no dia 2 de outubro, no primeiro jogo da semifinal da Libertadores, contra o Flamengo, na Arena.

Longe até mesmo dos treinamentos de campo no CT Luiz Carvalho devido a uma lesão muscular na coxa direita, o zagueiro usou os pés para se eternizar na história do Tricolor, na última terça-feira. Ao lado do ex-atacante Loivo, deixou sua marca na calçada da fama do clube. Mas foi impossível não deixar a homenagem de lado para falar sobre a condição física.

– Ainda não sei (se joga contra o Flamengo). Estou tratando todo dia. Estou ficando no clube praticamente o dia inteiro para recuperar o mais rápido possível – limitou-se a responder o defensor.

 
Geromel concede entrevista na Arena — Foto: Lucas Bubols / GloboEsporte.com

Geromel concede entrevista na Arena — Foto: Lucas Bubols / GloboEsporte.com

A rotina de Geromel tem combinado sessões de fisioterapia na parte interna do centro de treinamentos com turnos de trabalho em casa, para completar as atividades. O zagueiro ainda não apareceu no gramado para exercícios, diferente dos companheiros Maicon, Kannemann e Léo Moura. Os dois primeiros, inclusive, já presentes em treinos com bola.

– A gente sabe que o Geromel é um jogador espetacular. Merece o que está vivendo, essa calçada da fama. Estamos bastante felizes. Nós zagueiros procuramos sempre conversar, trabalhar durante a semana, para estar sempre entrosando e fazer bons jogos – destaca o companheiro de posição Paulo Miranda.

A lesão na coxa ocorreu no dia 8 de setembro, na vitória do Grêmio por 4 a 1 sobre o Cruzeiro, no Independência. Ao afastar uma bola de dentro da área, Geromel levou a mão imediatamente à perna direita e caiu no gramado. Precisou ser amparado ao deixar o campo e saiu do estádio mancando.

O Grêmio não confirmou o prazo de retorno para o capitão. Conforme apurado pelo GloboEsporte.com, ele sofreu uma distensão de grau 2 no músculo adutor da coxa direita e deve parar de duas a três semanas. Como o primeiro jogo contra o Flamengo na Libertadores será em 2 de outubro, na Arena, o zagueiro ainda é dúvida.

Considerado o prazo máximo de recuperação, Geromel retornaria aos treinos no próximo dia 29, só três dias antes do duelo de ida com o rubro-negro carioca. David Braz tem sido o substituto, e com tido boas atuações – na vitória sobre o Goiás, por exemplo, foi o capitão da equipe.

Ainda sem Geromel disponível, o Grêmio volta a treinar na tarde desta quinta-feira. O próximo compromisso do Tricolor será no sábado, pela 20ª rodada do Brasileirão, a primeira do returno. O adversário é o Santos, às 21h, na Vila Belmiro.



Veja também