Lucas Figueiredo / CBF

A partir de segunda-feira (9), Renato Portaluppi estará de volta aos estudos na Granja Compary, em Teresópolis. Ele terá de fazer mais um curso da CBF, desta vez para receber a Licença PRO, que é mais alta certificação da entidade para técnicos de futebol.

Esta é uma exigência da Conmebol para todas as competições organizadas pela entidade. Na Libertadores, só técnicos com Licença PRO poderão ficar no reservado comandando as equipes. No ano passado, Renato tinha feito o curso e ganhou a Licença A, que é o estágio anterior ao que fará agora.

A edição de 2019 será realizada entre 9 e 18 de dezembro, e tem como objetivo “qualificar o profissional que atua ou deseja atuar no futebol na condição de treinador em equipes profissionais, para uma prática competente e atualizada cientificamente alicerçada em bases de natureza ética e científica”.

Os palestrantes deste ano ainda não foram oficialmente confirmados, mas alguns que estiveram em 2018 deverão ser repetidos. Para se ter uma ideia, na última edição estiveram presentes fazendo palestras nomes como Paulo Roberto Falcão, Reinaldo Rueda e Carlos Alberto Parreira.

Outro aluno será Odair Hellmann, ex-técnico do Inter, que também tinha recebido a Licença A em 2018, e que agora fará o Licença PRO.

O curso custa R$ 19.130,00. Se Renato pagar à vista, ganha um desconto de 5%. Mas se a opção for no cartão de crédito, dá para parcelar em até 12 vezes o valor.

No Grêmio, a expectativa é que a renovação de contrato do técnico seja confirmada até a semana que vem.  



Veja também