Se o Grêmio começou 2020 com um novo time titular, também há novidades na equipe reserva. A formação de suplentes do técnico Renato Gaúcho teve acréscimos de qualidade em relação ao time do ano passado. E muitos deles podem começar a brigar por titularidade já neste sábado, às 11h, quando o Tricolor encara o Juventude, na Arena, pelo Gauchão.

Por preservação às vésperas da estreia na Libertadores, o treinador mandará a campo um time bem descaracterizado e distante da força máxima, algo inédito na temporada. E repleto de caras novas.

Renato observará reservas contra o juventude — Foto: Lucas Bubols/GloboEsporte.com

Renato observará reservas contra o juventude — Foto: Lucas Bubols/GloboEsporte.com

Apenas quatro jogadores que atuaram na última formação reserva de 2019 são remanescentes na equipe que deve encarar o Papo no sábado. São eles: Paulo Miranda, Thaciano, Pepê e Luciano.

Sem levar em conta a última rodada do Brasileirão, quando o Grêmio usou o Grupo de Transição, a última vez que os reservas entraram em campo foi na 27ª rodada. Na oportunidade, o Fortaleza venceu por 2 a 1, no Castelão, com gols de Osvaldo e Wellington Paulista. Paulo Miranda descontou para os gremistas.

Compare as escalações abaixo:

  • Fortaleza 2×1 Grêmio: Phelipe Megiolaro; Galhardo, Paulo Miranda, David Braz e Juninho Capixaba; Michel, Rômulo; LucianoThaciano Pepê; André.
  • Provável Grêmio contra o Juventude: Paulo Victor; Orejuela, Paulo Miranda, Geromel (Rodrigues) e Caio Henrique; Darlan e ThacianoPepê, Thiago Neves e Ferreira; Luciano.

Daquela escalação, quatro atletas já deixaram o clube: Rafael Galhardo, Juninho Capixaba, Michel e Rômulo, enquanto André está fora dos planos e sequer foi inscrito. Para sábado, David Braz está suspenso. Pedro Geromel deve atuar para ganhar ritmo de jogo para a Libertadores.

Da provável escalação, três jogadores estreiam pelo Grêmio na temporada. O volante Darlan ganha chance, com os primeiros minutos em campo. Paulo Victor fará seu primeiro jogo por ter perdido a vaga no gol para Vanderlei, que será preservado. Há ainda o caso de Geromel, recuperado de lesão.

Paulo Miranda comemora gol do Grêmio contra o Fortaleza em 2019 — Foto: Divulgação/Grêmio

Paulo Miranda comemora gol do Grêmio contra o Fortaleza em 2019 — Foto: Divulgação/Grêmio

Desse time, três reforços já jogaram em 2020. São eles: Orejuela, Caio Henrique e Thiago Neves. Mas o trio só aguou após do banco de reservas. Agora terão a chance de ouro para deixar boas dúvidas na cabeça do técnico Renato Gaúcho na primeira partida desde o início

Na temporada passada o Grêmio sofreu com a falta de boas opções. A lateral-direita tinha dono até Leonardo se lesionar. Orejuela pode dar início a uma disputa com Victor Ferraz, que tem tido boas atuações na dobradinha com Alisson.

A lateral esquerda tem Bruno Cortez como titular, mas o jogador foi substituído por Renato nos últimos três jogos. Assim, Caio Henrique pode, enfim, desbancar o colega de posição.

Thiago Neves tem chance de mostrar serviço entre os reservas — Foto: Lucas Uebel/Divulgação Grêmio

Thiago Neves tem chance de mostrar serviço entre os reservas — Foto: Lucas Uebel/Divulgação Grêmio

Ainda há a posição que não tem dono até o momento: a de meia. Apesar de vestir a 10, Thiago Neves tem feito pouco para ser titular incontestável, demonstrando estar abaixo fisicamente. Lembrando que Jean Pyerre ainda não tem condições físicas para jogar 90 minutos.

Por fim, a primeira equipe reserva do Grêmio em 2020 tem Thaciano e Luciano, que devem seguir como segundas escolhas no elenco. Pepê segue a mesma linha, mas com potencial de disputar posição com Alisson.

O elenco gremista encerra a preparação para enfrentar o Juventude nesta sexta-feira. O Grêmio recebe equipe da serra gaúcha no sábado, às 11h, pela primeira rodada do segundo turno do Gauchão.



Veja também