Foto: Lucas Uebel/Divulgação Grêmio

O Grêmio realizou neste domingo o penúltimo treino antes da partida de terça-feira contra o Novorizontino, na Arena, pela 11ª rodada da Série B. E segundo o relato do repórter André Silva, da Rádio Gaúcha, o trabalho foi marcado pela baixa qualidade técnica e cobranças do técnico Roger Machado aos jogadores.

O treinador chegou a encerrar a atividade antes do fim, após um erro na execução de uma jogada em um trabalho tático em campo aberto. Roger falou por quase cinco minutos com os jogadores e finalizou o treino, que havia sido iniciado com um atividade de troca de passes e movimentação.

Na atividade, o técnico manteve a formação com três zagueiros e esboçou o time titular com Brenno; Bruno Alves, Geromel e Kannemann; Edílson, Thiago Santos, Bitello e Nicolas; Janderson, Diego Souza e Biel.

Em certo momento, Diogo Barbosa e Lucas Silva substituíram Nicolas e Bitello, respectivamente, o que pode ser um indicativo de disputa na ala esquerda e no meio-campo. Após o empate com o Vasco, o treinador deixou aberta a possibilidade de mudanças, sobretudo na lateral.

Na tarde desta segunda-feira, o elenco tricolor faz o último treino antes da partida no CT Luiz Carvalho, desta vez com portões fechados.

Roger não poderá contar com Benítez, que deixou o treino de sábado mais cedo, com um problema no joelho esquerdo. O departamento médico ainda não divulgou oficialmente, mas o meia teve constada uma lesão no local e deve ficar de fora por até seis semanas.

Com 14 pontos na tabela, o Grêmio se manteve na quinta colocação após os jogos da 10ª rodada, mas não tem como alcançar o G-4 em caso da vitória. A distância para o Vasco, quarto colocado, é de quatro pontos. O confronto contra o Novorizontino ocorre às 21h30 de terça, na Arena.



Veja também