O Gre-Nal do próximo sábado, às 19h, no Beira-Rio, terá estreantes pelo lado do Grêmio. Borja e Villasanti devem ganhar a companhia de Campaz no time titular para o trio fazer seu primeiro clássico pelo Tricolor.

Os três estrangeiros chegaram ao clube depois do duelo do primeiro turno do Brasileirão, na Arena. O centroavante e o volante têm status de titular, enquanto o meia se encaminha para assumir a vaga no meio-campo. Ainda assim, se não iniciar a partida, deve entrar no segundo tempo, como ocorreu nos últimos jogos.

Campaz, aliás, chamou atenção ao entrar ainda na etapa inicial da derrota para o Atlético-MG na última quarta. O técnico Vagner Mancini desfez o trio de volantes e colocou o colombiano, autor do gol gremista. Foi também o camisa 7 a tocar com o braço na bola no lance que gerou pênalti e segundo gol do Galo.

– O atleta (Campaz) é dotado de uma capacidade técnica muito interessante, bate bem na bola, enxerga bem o jogo. Fez um gol em que usa o pivô e entra na área. Agora, falta jogo. É muito importante a gente lembrar que é um jovem, pouca idade, chegou agora no Brasil, que passa por um período de adaptação muito mais fora de campo do que dentro. É importante vê-lo jogar bem. Talvez jogar bem arrume todo o externo – comentou Mancini.

Campaz comemora com Ferreira e Borja o gol contra o Atlético-MG — Foto: Lucas Uebel/Grêmio

Campaz comemora com Ferreira e Borja o gol contra o Atlético-MG — Foto: Lucas Uebel/Grêmio

Em Belo Horizonte, representantes de um clube dos Estados Unidos procuraram dirigentes do Grêmio para mostrar interesse no meia e buscar informações, conforme relato do repórter Leonardo Müller, da RBS TV.

O Tricolor nega e garante que não irá negociá-lo. Desde a época da contratação pelo clube gaúcho, equipes da liga norte-americana já queriam Campaz. Observadores do New England Revolution estão no Brasil para avaliar possíveis alvos, mas não confirmaram interesse no colombiano.

Gringos jogam e vão para seleções

Borja e Villasanti, por sua vez, fazem no Gre-Nal o último jogo pelo Grêmio antes de se apresentar às seleções da Colômbia e do Paraguai para os jogos das Eliminatórias da Copa do Mundo.

A dupla é titular do Tricolor desde o momento das contratações, embora o paraguaio tenha saído para a entrada de Campaz no Mineirão.

Villasanti (D) deu lugar a Campaz ainda no primeiro tempo do jogo contra o Atlético-MG — Foto: Lucas Uebel / Grêmio FBPA

Villasanti (D) deu lugar a Campaz ainda no primeiro tempo do jogo contra o Atlético-MG — Foto: Lucas Uebel / Grêmio FBPA

O técnico Vagner Mancini tem mudado a escalação em relação às características do adversário e varia entre o 4-1-4-1 e o 4-2-3-1. A dúvida, portanto, é na manutenção do meio de campo com Thiago Santos, Lucas Silva e Villasanti ou então a entrada de Campaz na vaga de um dos dois primeiros.

O Tricolor treina na tarde desta sexta-feira e inicia a concentração. A única atividade em Porto Alegre deve encaminhar o time, embora os jogadores ainda façam recuperação física. O Tricolor é penúltimo colocado, com 26 pontos, e precisa vencer para se manter na luta contra o rebaixamento à Série B.



Veja também