Bressan próximo de deixar o Grêmio; Alex Telles e Ramiro devem permanecer

20 de novembro de 2013 - Às 14:38
Zagueiro Bressan pode ser negociado com clube europeu

O ano de 2013 financeiramente para o Grêmio foi péssimo. O clube já beira déficit de 80 milhões de reais e o ano ainda não se encerrou. Para conseguir equilibrar as contas para o próximo ano, o Tricolor deve ver reajustes de salário e também negociar jogadores. São os jovens que chegaram no começo do ano: Bressan, Alex Telles e Ramiro.

Quem está mais próximo de deixar o Grêmio é o zagueiro Bressan. O empresário do jogador está na Alemanha para negociar com um clube europeu.
Já Alex Telles, que era um dos destaques do time, acabou caindo de rendimento nas últimas partidas, não conseguindo manter o bom futebol. O Grêmio adquiriu 60% dos direitos econômicos do jogador. O Napoli esteve interessado, porém a negociação se encerrou. O jogador deve continuar no Grêmio em 2014 para disputa de uma possível Libertadores para nova valorização.
O volante Ramiro também teve alguns sondagens, só que da mesma forma que Alex Telles, necessita de valorização, e a disputa da Libertadores do próximo ano poderia ajudar.
O diretor executivo do Grêmio, Rui Costa, falou sobre a negociação dos três jogadores:
— Não é uma questão do Grêmio. Eu falo pelo Grêmio, mas as fontes de receitas dos clubes são vendas de atletas e televisão. Já são ativos valorizados, a possibilidade de vender um ou dois recoloca o equilíbrio financeiro para o clube. Bressan já sabíamos que poderia haver, é um jogador comunitário, isso é precioso ao mercado europeu. Eles conquistaram isso, sempre tivemos a confiança de chegar nesse nível. São jovens, que vieram sob um cenário de desconfiança, um tom jocoso até em alguns comentários que estávamos nos reforçando no Juventude — comentou o diretor-executivo Rui Costa na Rádio Bandeirantes.

Adaptado de ZeroHora


Veja também