Lucas Uebel / Grêmio,Divulgação

Diferentemente da última temporada, Brenno deve começar 2022 como reserva no gol do Grêmio. O jovem de 22 anos perdeu espaço depois de participar do grupo campeão olímpico nos Jogos de Tóquio. O camisa 20 sequer começou metade dos jogos após vestir a camisa da Seleção Brasileira.

Os treinamentos do Tricolor até o momento visando as disputas indicam Gabriel Grando mantido como o titular. A escolha, segundo apurado por GZH, passa pela decisão do treinador Vagner Mancini.

No entendimento do comandante, nos últimos confrontos de 2021, Grando estava em melhores condições emocionais para enfrentar a briga contra o rebaixamento. Para 2022, acreditava-se em alteração na posição, mas as simulações realizadas nos treinamentos relatam Brenno como reserva.

O campeão olímpico, desde que retornou da Seleção, no mês de setembro, atuou 11 vezes, sendo uma entrando no decorrer do compromisso. No recorte, o Tricolor entrou em campo em 21 oportunidades.

O contrato do goleiro foi estendido até o final de 2024 com o clube em maio de 2021. Na ocasião, ele era um dos destaques da equipe no começo de temporada. Porém, enfrentará uma realidade distinta para recuperar espaço.

Em paralelo, o estafe foi procurado por interessados do futebol brasileiro e do Exterior para saber as condições. No momento, a transferência está descartada. O posicionamento poderá ser revisto para a janela da meta do ano. Logo, as escalações do primeiro semestre podem selar a trajetória do jovem na Arena.



Veja também