Brasil literalmente ‘se joga’, mas fica no empate contra a Holanda

4 de junho de 2011 - Às 21:06
Brasil luta pelo gol, mas não marca; Cai cai de Neymar marcou a partida


No primeiro grande teste de 2011, o time de Mano Menezes entrou em campo com clima de revanche contra a Holanda, e acabou empatando em 0 a 0, mesmo tendo muitas chances, principalmente no segundo tempo. Neymar foi o que mais tentou, mas também o que mais simulou faltas.


Estádio Serra Dourada
Goiânia – GO

Brasil0 – 0Holanda

O jogo começou sonolento no Serra Dourada, mas aos poucos as equipes foram se soltando. O Brasil estava melhor, tentando as jogadas principalmente com Neymar. O jogo era bastante movimentado, e a Holanda começou a gostar do jogo, e foi a seleção que teve as principais chances do primeiro tempo, uma aos 21 em chute a queima roupa de Afellay, e outra de fora da área, do mesmo jogador aos 30 minutos. O Brasil chegava, mas não chutava a gol.

O Brasil começou o segundo tempo bem melhor e teve uma grande chance aos 50 segundos, quando Elano lançou e Neymar bateu encima do goleiro. Minutos depois, Neymar teve outra grande chance, mas o goleiro Krul salvou novamente a seleção holandesa.

Aos 11, Thiago Silva recebeu cruzamento e chutou livre, a zaga tirou embaixo da linha. Aos 14, foi a vez de Pieters tirar embaixo da linha após chute de Robinho. A seleção brasileira estava muito bem no jogo, mas a bola temia em não entrar.
Aos 33 minutos, Ramires fez falta em Robben, recebeu o segundo amarelo e foi expulso.
O Brasil não sofreu perigo, tentou o gol, mas não conseguiu. Neymar se jogou mais umas duas vezes.

O Brasil segue sem ganhar de nenhuma seleção que está no Top-20 da FIFA, na era Mano Menezes.

Fato: Neymar é muito bom jogador, mas se atira demais. Lucas também simulou falta, e até levou cartão amarelo por isso. Por acaso Messi simula as faltas?



Veja também