Miguel Borja teve lesão no tornozelo esquerdo confirmada pelo Grêmio. O clube notificou a a federação colombiana e o centroavante deve ser cortado da seleção do país para a disputa das Eliminatórias da Copa do Mundo. De acordo com informações do clube, o jogador para por quatro semanas para realizar a recuperação.

O centroavante torceu o tornozelo esquerdo no segundo tempo da derrota de 2 a 1 para o Sport no último domingo, na Arena, pelo Brasileirão. Borja passou por exames no final da manhã desta segunda-feira, em um hospital de Porto Alegre, e os resultados saíram no período da tarde.

Borja sofreu a lesão em uma jogada na linha de fundo, aos 12 minutos do segundo tempo. Ele tentou permanecer em campo e quase marcou o gol do empate aos 15, em jogada que Thyere tirou em cima da linha, mas deu lugar a Diego Souza aos 18.

Borja em campo contra o Sport — Foto: Lucas Uebel/Divulgação Grêmio

Borja em campo contra o Sport — Foto: Lucas Uebel/Divulgação Grêmio

Borja já seria ausência nas próximas três rodadas do Brasileirão. Isso por conta da convocação para os jogos contra a Bolívia, Paraguai e Chile, na rodada tripla das Eliminatórias da Copa.

Sem o colombiano, o Tricolor ainda pode perder seu reserva imediato. Diego Souza será julgado na quarta-feira pelo STJD por ter retirado o cartão amarelo das mãos do árbitro Ricardo Marques Ribeiro na derrota para o Corinthians e pode ser punido com um a seis jogos de suspensão.

Borja é o goleador do Grêmio no Brasileirão, com quatro gols marcados, e ajudou o time a conquistar 12 pontos dos 22 na competição. O próximo jogo ocorre nesta quarta-feira, contra o Cuiabá, na Arena, às 21h30, pela 24ª rodada.



Veja também