Bolzan garante que Grêmio só vende jogador por “proposta irrecusável”

Dirigente diz que clube não tem a intenção de negociar mais nenhum jogador

27 de julho de 2016 - Às 12:15
Foto: Lucas Uebel
Foto: Lucas Uebel

Após a saída do meia Giuliano para o Zenit, da Rússia, o Grêmio segue no mercado com suas joias podendo receber proposta de clubes europeus interessados a qualquer momento. Mas o presidente Romildo Bolzan garante que não há intenção de negociar mais nenhum atleta, exceto por alguma proposta irrecusável.

“Para ter uma proposta para tirar jogador do Grêmio, ela tem que ser irrecusável”, enfatizou o dirigente.

Por enquanto, não há ofertas por nenhum jogador:

“Não tem os proposta e nem interesse de nos desfazer. Não queremos perder o plantel como ele está posto. O plantel é muito competitivo”, afirmou Bolzan.

O Tricolor segue em busca de reforços, principalmente para o meio de campo, onde saiu Giuliano. Mas o presidente comentou que a equipe possui reposição já no elenco:

“O Grêmio tem plantel suficiente para encarar deficiências deste momento”, comentou Bolzan, que disse que o clube observa o mercado nacional, mas sem pressa para contratar eventuais reforços.



Veja também