Barcos desabafa após derrota: “A gente também sofre”

16 de abril de 2014 - Às 01:13
Foto: Roberto Azambuja / Agencia RBS
Após a derrota no Gre-Nal pela decisão do Gauchão, a torcida ficou com um pé atrás em relação ao time do Grêmio na temporada. Embora esteja bem na Libertadores, levar seis gols na decisão do estadual não é bom resultado, o que fez torcedores ficarem insatisfeitos com o time.
Muitos pediram a saída de jogadores e até mesmo do técnico. Durante o treino no Olímpico nesta terça, torcedores xingavam os jogadores. O capitão do time, o argentino Barcos, entende a torcida mas afirma que o sentimento dos jogadores é o mesmo:
— A gente não aceita uma derrota como essa. Não podemos ficar sofrendo porque perdemos o Gauchão. Gostaria de explicar a cada um deles (torcedores) que a gente também sofre, que também queremos ganhar — desabafou. 
O argentino confirma que o grupo já conversou após a derrota e agora pensa na estreia do Brasileirão e continuação da Libertadores:
— Para se ter um grupo vencedor, tem que sentir essa cobrança. O time que todo mundo quer, e nós queremos, é o da Libertadores, com essa indignação. Cada um tem que fazer uma autocrítica e melhorar o mais rápido possível. Tomamos três gols em 12, 13 minutos. É muito difícil que isso aconteça mais uma vez — afirmou.

Adaptado de ZeroHora


Veja também