Atacante Everton faz balanço da temporada e projeta 2017

Atacante também elegeu gol mais importante entre os oito marcados em jogos oficiais

30 de dezembro de 2016 - Às 09:50

O atacante Everton foi um dos bons nomes do Grêmio durante a temporada 2016. Fez gols importantíssimos, sobretudo na Copa do Brasil onde ajudou diretamente a equipe a chegar ao título. Em entrevista, o jogador falou sobre o ano de 2016 e projetou 2017 onde espera ser novamente protagonista e também campeão da américa.

Balanço de 2016
“Foi uma temporada muito boa, tanto no lado coletivo quanto no individual. Atingi algumas metas que tinha imposto para mim e no coletivo fechei o ano com um titulo tão importante. Tinha objetivo de fazer mais gols que o ano passado, na reta final eu acabei tendo uma boa proporção de gols. Esse ano bati em nove gols e ano passado foram apenas cinco.”

Gol mais importante
“Sem dúvida o contra o Palmeiras. Foi o gol mais importante porque classificou a gente para a semifinal, não fosse aquele com meus companheiros, a gente não teria conquistado o título. Acho que a importância daquele gol foi tão grande quanto o terceiro da final.”

Objetivos em 2017
“Junto com o grupo, fazer um bom ano novamente, se Deus quiser terminar o ano com título. Temos Libertadores, Brasileiro, Copa do Brasil, a gente espera em alguma sair campeão. A Libertadores sem dúvida seria o mais importante. Vamos em busca, todo o grupo, do tri da América. Não deu ano passado, mas vamos buscar neste ano.”

Sabemos da dificuldade do Brasileiro, precisamos de elenco. Esse ano sofremos com falta de um elenco grande. Estávamos jogando duas competições e acabou atrapalhando, cansaço de todo o grupo.
Foto: Lucas Uebel

“Aceita que dói menos” e protagonismo
“Claro, depois da frase dele (Roger), pude absorver bem. Ligou o alerta, um pouco mais de experiência e rodagem. Vou para o meu quarto Brasileiro, já dá para assumir a responsabilidade mais a partir de agora.”

Nova posição se Luan sair
“Eu venho acompanhando as notícias de esporte no mercado. Não teria problema mudar de posição, sou acostumado jogar mais adiantado. Fica mais perto do gol e em relação a marcação, não recua tanto. Poderia ajudar também (a fazer mais gols), quem sabe.”

Fazedor de gol
“Quem o Grêmio contratar, chega para ajudar na temporada. Se não me engano, temos cinco competições e em todas vamos forte, precisamos de elenco, ajuda bastante. Sabemos da dificuldade do Brasileiro. Esse ano sofremos com falta de um elenco grande. Estávamos jogando duas competições e acabou atrapalhando, cansaço de todo o grupo.”



Veja também