Foto: Lucas Uebel/Grêmio

O grupo principal do Grêmio deu início, na tarde desta segunda-feira (10), à temporada 2022, na qual o clube disputará o Gauchão, a Copa do Brasil e a Série B do Brasileirão. Em relação ao elenco que encerrou o ano do rebaixamento, 12 jogadores já saíram de Porto Alegre.

Até o momento, dos jogadores que encerraram 2021 no clube, deixaram a Arena os laterais-direitos Vanderson (vendido ao Monaco) e Rafinha (final de contrato); o zagueiro Ruan (vendido ao Sassuolo); o lateral-esquerdo Cortez (final de contrato); o volante Darlan (emprestado ao Juventude); o meia-atacante Alisson (rescisão contratual); o meia Jean Pyerre (emprestado ao Athletico-PR); e os atacantes Isaque (emprestado ao Vasco), Miguel Borja (negociado pelo Palmeiras com o Junior-COL), Luiz Fernando e Léo Pereira (término dos empréstimos) e Everton Cardoso (emprestado ao Cuiabá).

Os novos contratados foram cinco: os laterais Orejuela (direito) e Nicolas (esquerdo); Bruno Alves (zagueiro); Janderson (atacante); e o argentino Martín Benítez (meia).

Dos jogadores que estavam emprestados e voltaram para o Tricolor, o lateral-direito Felipe Albuquerque, o volante Matheus Frizzo, os meias Rildo e Patrick, mais o atacante Guilherme Azevedo serão observados no time de transição que irá começar o Gauchão, e dependendo de seus desempenhos poderão ser aproveitados. Caso não sejam aprovados pela comissão técnica de Vagner Mancini, deverão mais uma vez emprestados. O lateral-esquerdo Juninho Capixaba foi cedido ao Fortaleza, o volante Michel seguirá recuperação de cirurgia no joelho esquerdo e o goleiro Philippe Megiolaro ainda aguarda a definição de seu futuro.

O período de preparação deverá durar quatro semanas, como já foi anunciado pelo departamento de futebol. Cuidar da parte física para ter o melhor rendimento de todo o grupo é o grande objetivo deste começo de ano, já que no ano passado não foi possível realizar uma etapa de pré-temporada, já que em função da pandemia de covid-19, o calendário 2020 do futebol brasileiro só foi encerrado em 7 de março, quando o Grêmio perdeu a final da Copa do Brasil para o Palmeiras. Quatro dias antes, os gremistas já haviam iniciado 0 2021, em jogo do Gauchão, contra o Brasil-Pel.

Com a sobreposição de datas, a temporada passada começou sem reforços, que foram sendo agregados já durante as competições: Rafinha chegou no final de março, pouco antes do desembarque do volante Thiago Santos. Em maio, Douglas Costa foi anunciado e em agosto foram contratados os colombianos Borja e Campaz e o paraguaio Villasanti.

Mas mesmo sem uma pré-temporada e com as reformulações que foram ocorrendo ao longo do ano, que encerrou com o terceiro rebaixamento gremista para a Série B, 23 jogadores que começaram o calendário 2021 do futebol já saíram do Grêmio, além da troca mais comentada do último ano, a do técnico Renato Portaluppi, que já teve três substitutos: Tiago Nunes, Luiz Felipe Scolari e Vagner Mancini.

Confira os jogadores que começaram a temporada 2021 e não permaneceram no clube:

Goleiros: Vanderlei e Paulo Victor
Laterais: Vanderson, Victor Ferraz e Cortez
Zagueiros: Paulo Miranda, Ruan e David Braz
Meio-campistas: Matheus Henrique, Maicon, Darlan, Lucas Araújo, Jean Pyerre, Thaciano, César Pinares, Everton Cardoso, Alisson e Isaque
Atacantes: Léo Chu, Pepê, Luiz Fernando, Léo Pereira e Ricardinho

Estes começaram em 2021 e estão agora de novo

Goleiros: Brenno, Adriel e Gabriel Grando
Zagueiros: Geromel, Kannemann e Rodrigues
Laterais: Leo Gomes, Felipe Albuquerque, Diogo Barbosa e Guilherme Guedes
Meio-campistas: Lucas Silva, Fernando Henrique e Pedro Lucas
Atacantes: Elias, Ferreira, Churín e Diego Souza



Veja também