O Grêmio terá força máxima diante do Brasil de Pelotas, nesta quarta, às 21h30, na Arena. Renato tem optado por dar ritmo ao time nos primeiros jogos do ano e, com isso, Suárez se encaminha para o terceiro jogo consecutivo. A partir da próxima rodada, no entanto, o Tricolor adotará o rodízio.

Com quatro gols em 142 minutos em campo, o centroavante gremista, aos 36 anos, vai emendar uma sequência importante como titular no comando de ataque. Contra o Xavante, será mais um encontro do goleador com a torcida na Arena e oportunidade de disparar na artilharia.

Renato tem aproveitado o início de temporada para entrosar o time e fortalecer o esquema 4-2-3-1. As preservações tem acontecido durante os jogos com as cinco substituições. Suárez ainda não completou uma partida. Atuou por 58 minutos contra o São Luiz e 84 diante do Caxias.

— Importante deixar os jogadores (em campo) para que possam se entrosar. Mas, durante a partida, pode ser que eu eu mexa e também logo de cara. Mas vai ser esse o rodízio, aproveitar as cinco substituições e começar a trocar quando vejo que o time está perdendo pela parte física. Vai ser normal de início eu mexer bastante na equipe — afirmou Renato.

Suárez comemora gol pelo Grêmio contra o São Luiz na Arena — Foto: Lucas Uebel/Divulgação Grêmio

Suárez comemora gol pelo Grêmio contra o São Luiz na Arena — Foto: Lucas Uebel/Divulgação Grêmio

Luisito pode ser poupado pela primeira vez desde que chegou ao clube no próximo domingo, contra o São José. Renato deve dar início ao rodízio, conforme o planejamento da comissão técnica, para dar chances a outros atletas, minimizar o risco de lesões, além da preocupação frequente com o gramado sintético do Passo D’Areia.

Após a vitória por 2 a 1 sobre o Caxias no Centenário, Renato revelou uma conversa que teve com Suárez na beira do campo logo após o uruguaio virar o jogo para o Grêmio. De acordo com o treinador, o centroavante pediu para permanecer em campo. A decisão do comandante foi outra.

— Eu chamei ele e disse “acho que tá bom né?”, aí ele falou “estou me sentindo bem”. Aí eu disse: “então vou te deixar mais 5 ou 6 minutos e vou te tirar”. Não é porque o jogador está bem que eu tenho que deixar em campo, não só o Luis. É inicio de temporada, cansaço chega, começa a fazer esforço maior e pode ter um estiramento. Não queremos que isso aconteça com ele — explicou.

Suarez e Renato na vitória do Grêmio diante do Caxias — Foto: Lucas Uebel/Grêmio

Suarez e Renato na vitória do Grêmio diante do Caxias — Foto: Lucas Uebel/Grêmio

Porém, não é só o atacante que deve ser preservado a partir da terceira rodada do Gauchão. Renato deve dar rodagem para jogadores de outros setores. Dessa forma, o sistema defensivo, incluindo o goleiro, meio e ataque devem ter modificações contra o São José.

Para o duelo desta noite, o time-base será mantido, mas uma mudança é certa. Campaz ficou fora por conta do limite de estrangeiros e deve dar lugar ao argentino Cristaldo, pela primeira vez relacionado. Elogiado nos bastidores, Gustavinho tem treinado aberto pela direita e corre por fora na disputa.

O Grêmio recebe o Brasil de Pelotas nesta quarta-feira, na Arena, às 21h30. O duelo é válido pela segunda rodada do Campeonato Gaúcho. O Tricolor quer buscar a segunda vitória consecutiva na competição para se manter na liderança da tabela.



Veja também