Depois de obter o tricampeonato gaúcho no último domingo (30), a direção do Grêmio se foca na busca por mais alternativas para o técnico Renato Portaluppi. O planejamento é tentar fechar com dois reforços, no mínimo, para o término da temporada 2020. O grande desejo é mais um centroavante, mas um lateral-esquerdo também está nos planos. Mais opções ainda podem ser buscadas pelos dirigentes. 

O objetivo é finalizar as tratativas com as duas peças o mais breve possível, mas sempre dentro da realidade financeira do clube. Porém, até agora, nada está encaminhado:

— Todas as possibilidades estão abertas, mas contratações envolvem muitos elementos, estafe, clubes, até porque os campeonatos estão em desenvolvimento. Volto a dizer, todas as possibilidades estão sendo examinadas, avaliamos todas perspectivas de negócio — despistou Paulo Luz, vice de futebol tricolor, após o título estadual.

Os dois principais nomes especulados até o momento são Cléber, do Ceará, e Stuani, atualmente no Girona-ESP. O atleta da equipe nordestina tem prazo de validade para fechar com o Tricolor: já tem seis partidas no Brasileirão e, caso atue em mais uma rodada, pelo regulamento, não poderia vestir a camisa gremista no torneio — assim como na Copa do Brasil, competição em que entrou em campo pelo Barbalha.

Desta forma, se Cléber jogar contra o Fortaleza, na próxima quarta-feira (2), não deverá se transferir para Porto Alegre em 2020. Os dirigentes estudam se vale fazer uma nova investida pelo jovem de 23 anos.

Outro nome desejado é o de Stuani. O uruguaio, que completará 34 anos em outubro, só poderia ser inscrito pelo Tricolor a partir de reabertura da janela de transferências, agendada para 13 de outubro. Assim, se fosse contratado, o atacante perderia toda a fase de grupos da Libertadores e ficaria à disposição apenas para a 16ª rodada do Campeonato Brasileiro.

Apesar do orçamento apertado, Renato acordou com os dirigentes que nomes emergentes não deverão ser contratados. A intenção é trazer um jogador afirmado para disputar posição com Diego Souza. Opções alternativas de Série B, no momento, não são consideradas.

Paralelamente, o Grêmio vasculha o mercado por outras posições. Um lateral-esquerdo também deve ser anunciado. Um volante e até mesmo mais um meia de articulação também são desejados, mas somente serão buscados em situações favoráveis para o clube. A meta é fechar o plantel para a retomada da Libertadores, marcada para o dia 16 do próximo mês.



Veja também