Após expulsão, Roger diz que irá conversar com Lincoln: “foi acintoso”

Jogador foi expulso com cerca de apenas cinco minutos em campo diante da Ponte Preta

7 de junho de 2016 - Às 06:00
Foto: Reprodução
Foto: Reprodução

No último domingo, o técnico Roger colocou o jovem Lincoln em campo quando a partida diante da Ponte Preta ainda estava empatada. O treinador buscava um novo gás para a equipe, tentando deixá-la também mais ofensiva. Mas, Lincoln não correspondeu.

Considerado uma das joias do clube, Lincoln ficou cerca de cinco minutos em campo quando foi expulso direto pelo árbitro da partida por ter deixado o cotovelo e acertado o adversário em disputa de bola. A expulsão tirou a vantagem numérica que o Grêmio tinha em campo, já que um atleta da Ponte Preta já havia sido expulso.

O técnico Roger prometeu conversa com Lincoln:

– Revi o lance, realmente tem um pouco o braço aberto na jogada, não dá para ver se atinge, mas foi acintoso. Na interpretação do árbitro, que nos favoreceu no lance com o Edílson, o excluiu. Era um momento importante. Íamos continuar com volume com o Lincoln, que tem bom passe, ia botar a Ponte pra dentro de seu campo. Colocou o adversário no jogo. A gente conversa com ele durante a semana – disse o técnico gremista.

Lincoln seria uma boa opção para a partida de sábado diante do Fluminense, mas não irá atuar, assim como Luan está fora devido ao terceiro amarelo.



Veja também