Jefferson Botega / Agencia RBS

Além da confiança para a Série B, o título gaúcho serviu como parâmetro de avaliação do elenco para o Grêmio. Durante a comemoração, tanto o técnico Roger Machado como os dirigentes gremistas reforçaram a necessidade de agregar novos jogadores ao grupo ao mesmo tempo que promove a saída de alguns atletas.

Na próxima semana, o Tricolor receberá dois novos atletas: o meia-atacante Gabriel Teixeira, que vem por empréstimo junto ao Fluminense, e Elkeson, atacante que está livre no mercado após deixar o futebol chinês. Mesmo assim, o departamento de futebol já mira trazer mais jogadores na janela do mês de julho.

— Buscamos, em um primeiro momento, aqueles cinco reforços. Depois fomos buscar na base e organizar uma avaliação. A avaliação está feita. Temos de ver a necessidade de recompor um elenco mais competitivo. Chegarão dois jogadores nesta semana. Lá na frente poderemos ter mais um período de avaliação. Em julho, poderemos ter situações novas pensando no equilíbrio do plantel — disse Romildo.

Segundo o presidente Romildo Bolzan e o vice de futebol Dênis Abrahão, o Grêmio tem monitorado o mercado europeu. A leitura interna é de que o elenco atual é suficiente para o início da Série B até a abertura do próximo período de contratações. Até lá, Roger Machado poderá avaliar novas necessidades para o elenco junto ao departamento de futebol.

— Para iniciar, a gente chega sólido. Não sei se essa solidez vai ser suficiente até o final da competição. A direção está fazendo esforços para agregar. Devemos ter peças de substituições para fazermos trocas para refrescar a equipe sem perder a solidez. Que possamos ter mais opções. Preciso ter três jogadores para dividir a artilharia com o centroavante. Trabalho com 30 jogadores, com 60% de jogadores da base. A maior motivação será subir, evidentemente conquistando a Série B — projetou Roger.

Em relação às contratações do início do ano, apenas Bruno Alves e Nicolas se estabeleceram entre os titulares. Benitez e Janderson, por exemplo, perderam espaço. O lateral Orejuela não aprovou e já deixou o clube. Por isso, Edilson e Rodrigo Ferreira já chegaram para ocupar a lacuna da lateral-direita. Gabriel Teixeira deve disputar vaga com Janderson e Elkeson substituirá Churín, que está de saída para o Atlético-GO, no elenco.



Veja também