André Santos e Vargas podem deixar o Grêmio

22 de maio de 2013 - Às 01:38
O Grêmio conseguiu no início do ano, o empréstimo de André Santos por seis meses (até junho), com possibilidade de prorrogação deste empréstimo por mais seis meses, até final do ano, já que comprar o vínculo do atleta definitivamente está fora do orçamento de qualquer clube.
“O Arsenal empestou o André Santos por seis meses, essa foi a condição para o negócio. Até porque, ele era disputado por outros clubes. Ele teve uma valorização financeira importante e, para ficar, teremos que fazer uma renegociação, que é difícil. Dependemos do Arsenal”, afirmou o diretor de futebol, Rui Costa.
Vargas saiu do Napoli rumo ao Grêmio no início do ano, pois não se dava bem com o técnico. Porém, o Napoli terá outro técnico no próximo mês, que se requisitar o atacante, ele terá que voltar ao clube italiano:
“Quando ele foi contratado existia uma incompatibilidade com o técnico, que está deixando o Napoli. O novo treinador pode querer contar com o Vargas. Ele quer muito ficar no Grêmio, pois está bem ambientado, mas o Napoli fez um investimento superior a 10 milhões de euros para contratá-lo. Vamos precisar de muita criatividade para que ele permaneça em definitivo, mas para o Grêmio nada é impossível”, declarou Costa.


Veja também