Os últimos dias do Grêmio foram marcados por um trabalho interno de remobilização. Como em outros momentos, a figura do presidente Romildo Bolzan Júnior foi central no processo. E o Tricolor respondeu em campo à confiança dada, com vitória sobre o Bahia por 2 a 0, no Pituaçu.

O primeiro reflexo é automático na tabela. Antes em 17º pelos resultados da quarta-feira, o Grêmio pulou para a 10ª colocação, com 11 pontos. A vitória também acabou com o jejum de seis jogos no Brasileiro. Dois pesos a menos, portanto.

— Damos um pulo na tabela, é importante. Presidente foi muito feliz na sua entrevista, deu bastante confiança ao nosso grupo. É sempre importante ouvir. Nosso ambiente sempre esteve muito tranquilo. É importante essa vitória fora de casa, dá aquela confiança a mais — apontou Renato.

O Grêmio não foi brilhante como outrora, mas evoluiu em relação aos últimos jogos. E até mesmo dentro dos mesmos 90 minutos. O começo do jogo foi de espaços e chances ao Bahia.

Grêmio comemora vitória sobre o Bahia — Foto: Lucas Uebel/Grêmio

Grêmio comemora vitória sobre o Bahia — Foto: Lucas Uebel/Grêmio

O gol de Alisson saiu em cobrança de lateral, um até então raro respiro do Grêmio no ataque. E turbinou o desempenho. A vantagem no placar passou a ser bem administrada e pesou no emocional. O Bahia, ao mesmo tempo, sentiu e passou a deixar mais espaços.

“Uma vitória devolve tranquilidade que muita gente achava que não existia no grupo. Sempre existiu. Confiança a mais, que o presidente passou e eu passo diariamente” (Renato)

Apareceu, também, eficiência ofensiva. Foram no total 18 finalizações do Grêmio no jogo, sendo oito sem a direção do gol adversário. Muitas delas depois do segundo gol, bem trabalhado, com trama de passes no espaço dado pelos volantes do Bahia e na zona onde estaria Edson, sacado no intervalo.

E aí entra o mérito de Renato. Darlan, desde a base, tem mais aptidão ofensiva. Apareceu na área para fazer um golaço, seu primeiro com a camisa gremista. Talvez um movimento que Lucas Silva, que começou no banco, não reproduziria, por suas características.

Se em outras partidas os arremates ocorreram, mas sem direção ou a partir de cruzamentos, na noite de quinta-feira o Grêmio mostrou um repertório mais vasto. Isaque, Alisson, Darlan e depois Luiz Fernando criaram chances.

O desempenho vira um ponto de partida para o Grêmio no Campeonato Brasileiro. Com o desafio de manter nas próximas rodadas essa regularidade e buscar a recuperação para estar entre os primeiros colocados.

— Se tu olhares o ano passado, também vais ver que levamos um tempo para fazer a retomada da confiança. Mas, sinceramente, um grupo tão experiente quanto esse acaba resolvendo por si próprio, como aconteceu hoje (quinta). Essa não é uma vitória da retomada, é de fazermos um encaminhamento no campeonato — destacou o presidente Romildo Bolzan Júnior.

O Grêmio volta a Porto Alegre no início da noite desta sexta. Terá somente o sábado com o grupo completo para treinar antes de enfrentar o Fortaleza, às 16h de domingo, na Arena. A partida será válida pela 10ª rodada do Brasileirão.



Veja também