O Grêmio não terá muito tempo para comemorar o tricampeonato gaúcho conquistado no último domingo diante do Caxias. Já nesta quinta-feira (3), o Tricolor receberá o Sport, na Arena, dando início a uma sequência de quatro compromissos que terá pelo Brasileirão até a volta da Libertadores, em 16 de setembro, contra a Universidad Católica, no Chile.

Depois do confronto com os pernambucanos, a delegação gremista viajará para enfrentar Atlético-GO e Bahia fora de casa. O último jogo pelo Brasileirão antes da Libertadores será diante do Fortaleza, na Arena. As quatro partidas do torneio nacional serão disputadas em um período onze dias, o que forçará o técnico Renato Portaluppi a adotar a estratégia de dosar os titulares em alguns momentos.

Com um jogo a menos que a maior parte dos concorrentes, o Grêmio ocupa o 12º lugar no Brasileirão, com sete pontos. A equipe gaúcha está invicta, mas vem de uma sequência de quatro empates após a vitória sobre o Fluminense na estreia. O objetivo é subir na tabela antes de voltar as atenções para a Libertadores.

Sport (casa) – 3/9, quinta-feira

Quatro dias depois de levantar a taça do Gauchão, o Grêmio entrará em campo para enfrentar o Sport disposto a encerrar a sequência de quatro jogos sem vitória no Brasileirão. Para esse confronto, Renato Portaluppi ainda tem dúvidas. Pepê e Maicon serão reavaliados no treinamento desta quarta-feira. O atacante sequer foi relacionado na partida de volta da final do Gauchão enquanto o volante ficou no banco e entrou apenas nos minutos finais.

Ambos apresentaram desconforto após a ida da decisão do Estadual. Por outro lado, Matheus Henrique, que cumpriu suspensão diante do Caxias, volta a ficar à disposição.

Com quatro pontos em seis rodadas, o Sport é o penúltimo colocado na tabela e vem de uma sequência de três derrotas. A equipe pernambucana já trocou o comando técnico. O treinador Daniel Paulista foi demitido após perder em casa para o São Paulo, pela quinta rodada. Jair Ventura estreou diante do Coritiba, no último domingo, também sofrendo um revés.  

Atlético-GO (fora) – 6/9, domingo

O espaço entre o jogo contra o Sport e o confronto com o Atlético-GO será ainda menor. Menos de 72 horas após o apito final na Arena nesta quinta-feira, o Grêmio entrará no gramado do Estádio Olímpico de Goiânia para enfrentar outra equipe da parte de baixo da classificação. O período curto entre o jogo com o Sport e a viagem para Goiás deverão levar Renato Portaluppi a poupar boa parte dos titulares no domingo.

O Atlético-GO tem no momento os mesmos quatro pontos do Sport, mas ocupa a lanterna pelos critérios de desempate. Depois de surpreender o País com a goleada de 3 a 0 sobre o Flamengo, o time goiano somou apenas um ponto nas três rodadas seguintes. No período, ainda perdeu para o São José-POA, por 1 a 0, pela Copa do Brasil – obteve a classificação pelo saldo de gols porque havia vencido, em casa, por 2 a 0.

Bahia (fora) – 10/9, quinta-feira

Em tese, o confronto mais complicado dessa sequência será na próxima semana diante do Bahia, no Pituaçu. O time comandado por Roger Machado atualmente ocupa o oitavo lugar no Brasileirão e, assim como o Grêmio, sofreu apenas uma derrota até aqui. A equipe baiana disputou apenas cinco partidas até agora porque esteve envolvida com a decisão do Campeonato Baiano, onde foi campeã. 

A tendência é de que o jogo contra o Bahia seja o último teste do time titular antes da volta da Libertadores.

Fortaleza (casa) – 13/9, domingo

 Três dias antes de enfrentar a Universidad Católica, o Grêmio irá receber o Fortaleza, na Arena. A equipe de Rogério Ceni também faz bom início de Brasileirão e atualmente é a sétima colocada. O fator local é o ponto favorável na comparação com o confronto com o Bahia.

Em relação ao time gremista, no entanto, Renato Portaluppi deverá manter o planejamento das últimas temporadas e preservar quase todos os titulares diante dos cearenses em razão da proximidade com a partida contra a Universidad Católica. Pepê e Paulo Miranda, suspensos na Libertadores pelas expulsões no Gre-Nal de março, deverão enfrentar o Fortaleza. 



Veja também