Empresário afirma a existência de propostas por Bressan

Bressan poderá estar de malas prontas.
Foto: Zero Hora/Clic RBS
Bressan deve ser o próximo a deixar o tricolor. Com forte sondagens e inclusive já propostas, o zagueiro contratado no início do ano junto ao Juventude deve ter no seu destino a Europa. 

Nos dias 5 e 6 de julho, quando a delegação gremista estava em Curitiba, seu empresário Marcelo Lipatín e alguns diretores do Grêmio se reuniram e decidiram o preço pelo qual o jovem zagueiro seria vendido. 

O assédio de times do exterior já é de conhecimento da direção, mas para Rui Costa, não há nenhuma proposta ainda: 
- O Grêmio não tem nenhuma proposta pelo Bressan. O que temos são muitos jogadores sendo observados. Ele é um jogador de 20 anos com passaporte comunitário, mas não há nada de proposta - afirmou o dirigente.

O Grêmio detêm 70% dos direitos econômicos do jogador, ou seja, é o tricolor que decide por quanto será vendido o zagueiro. 

Lipatín afirma que embora nada foi apresentado a ele, acredita que o tricolor já recebeu várias propostas de clubes de fora do país, que giram por volta de 5 milhões de euros.

- Temos recebido sondagens frequentes pelo Bressan. Além da sequência e da regularidade, o passaporte comunitário permite que grandes clubes como Juventus, Chelsea e Liverpool se interessem mais. É um jogador de 20 anos, isso é algo que os clubes avaliam e perguntam - explicou.

Adaptado: Zero Hora
Postagem Anterior Próxima Postagem

Anúncio

Popular Items

Regras

Teste