Denunciado pelo STJD, Marcelo Moreno pode pegar 12 jogos de supensão

Na partida contra o Fluminense em que o Grêmio empatou por 2 a 2, o atacante Marcelo Moreno entrou no segundo tempo, porém ficou apenas 43 segundos em campo. Motivo: foi expulso devido a uma cotovelada no jogador do time carioca.

O jogador será julgado pelo STJD na próxima Quarta-feira, dia 7 de Novembro, podendo pegar uma pena de até 12 jogos de suspensão, o que faria com que o jogador não jogasse mais no Brasileirão.

No relato do árbitro Sandro Meira Ricci, o camisa 9 “atingiu com seu braço o queixo de seu adversário. Internamente, no Grêmio, Marcelo Moreno recebeu multa devido a sua atitude prejudicial ao time, sendo contestado pelo técnico Vanderlei Luxemburgo.

O STJD denunciou o atacante por “praticar agressão física”, enquadrado no artigo 254-A, inciso I, (desferir dolosamente soco, cotovelada, cabeçada ou golpes similares em outrem de forma contundente ou assumindo o risco de causar dano ou lesão ao atingido) do Código Brasileiro de Justiça Desportiva (CBJD).

2 Comentários

Obrigado pela Visita, Deixe o seu comentário!

Caro visitante, leia as regras abaixo antes de comentar:
- Comente sobre o assunto da postagem;
- Os comentários são liberados, sem necessidade de escrever as letras de confirmação.
- Não faça comentários com xingamentos; Leia nossa regras aqui.

SANGUE AZUL

  1. O STJD tá querendo aparecer demais pro meu gosto. O que ocorreu em campo morre no campo. Resolver no tribunal é o mesmo que dizer que a arbitragem não presta, o que todos já sabemos.

    Saudações!!!

    ResponderExcluir
  2. O STJD tá querendo aparecer demais pro meu gosto. O que ocorreu em campo morre no campo. Resolver no tribunal é o mesmo que dizer que a arbitragem não presta, o que todos já sabemos.

    Saudações!!!

    ResponderExcluir
Postagem Anterior Próxima Postagem

Anúncio

Popular Items

Regras

Teste