Tardelli lamenta pênalti perdido em vitória, mas destaca atuação do time: “Poder do grupo”

Atacante desperdiçou penalidade no segundo tempo; Tricolor venceu o Athletico-PR por 2 a 1, na Arena, pelo Brasileirão

25 de agosto de 2019 - Às 08:18
Foto: RODRIGO ZIEBELL/FRAMEPHOTO/ESTADÃO CONTEÚDO

Nem mesmo o pênalti desperdiçado por Tardelli, apaga a boa atuação do Grêmio neste sábado ao vencer o Ahtletico-PR por 2 a 1, na Arena, pelo Brasileirão. Ao menos é isso que pensa o próprio atacante, que lamentou a chance perdida e tratou de destacar o desempenho do time reserva na partida.

Em campo, o Grêmio saiu na frente logo aos três minutos, com Luan aproveitando uma bobeira da zaga. Tal qual o adversário, o Furacão empatou nos mesmos três minutos, só que no segundo tempo. Lances depois, Thaciano decretou a vitória, após cruzamento de Galhardo.

Em um jogo de lá e cá, com inúmeras chances para ambas equipes, Diego Tardelli teve nos seus pés umas das oportunidades mais claras da partida. Mas não aproveitou. Aos 27 minutos, o atacante cobrou o pênalti e parou numa bela defesa do goleiro Santos. O jogador gremista lamentou o erro, porém, enalteceu o bom desempenho da equipe reserva.

— Hoje a gente fez uma partida boa. Lógico que passamos por erros na partida. Mas o mais importante é que depois do gol, a gente recuperou. Tive uma chance de pênalti, mas infelizmente não converti. O mais importante é que a gente voltou atuar bem. Sendo uma equipe diferente, a gente mostrou o poder do grupo — lamentou.

A penalidade perdida por Tardelli não alterou a vitória gremista por 2 a 1. Agora, com o resultado, o Tricolor sobe para a 11ª posição, com 21 pontos, e encurtou a distância para o G-6 é de seis pontos.

Porém, agora o Grêmio vira a chave para a Libertadores, onde decide o jogo de volta das quartas de final contra o Palmeiras, às 21h30 de terça-feira, no Pacaembu. O Tricolor precisa vencer após a derrota por 1 a 0 em casa (o gol como visitante é critério de desempate). Depois, o Grêmio visita o São Paulo, às 11h de sábado, no Morumbi, pelo Brasileirão.



Veja também