O confronto entre Grêmio e Flamengo pela semifinal da Libertadores desempatará a série histórica em decisões eliminatórias entre os dois clubes. Desde 1982, eles se enfrentaram 12 vezes, com cada um levando a melhor em seis oportunidades. Nos confrontos diretos deste tipo, o rubro-negro carioca levou vantagem nas últimas quatro vezes em que as duas agremiações se enfrentaram (ver lista no final do texto). Já o clube gaúcho leva a melhor em semifinais, quatro contra uma. Pela tradição, pelo adversário ter uma das maiores torcida do Brasil e, principalmente, pelo maior investimento, Renato Portaluppi sabe que não será fácil superar a equipe de Jorge Jesus.

“O Grêmio e o Flamengo estão acostumados a chegar em decisões. Só que eles têm uma grande vantagem, pois contrataram só os melhores. Se colocar o time contra a Seleção Brasileira, será jogo duríssimo. Eles têm até oito jogadores que poderiam estar nas suas seleções. Jesus vem fazendo um grande trabalho. O clube gastou para contratar e chegar (na semifinal)”, destacou Portaluppi.

O histórico de confrontos iniciou em 1982 e exigiu três jogos para os cariocas superarem o Grêmio na decisão do Campeonato Brasileiro. Após os empates de 1 a 1, no Maracanã, e 0 a 0, no Olímpico, a decisão foi marcada para o dia 25 de abril, novamente, em Porto Alegre. Na oportunidade, Nunes marcou o gol que deu o título para o Flamengo.

A primeira vez que o Grêmio superou os cariocas foi justamente em uma semifinal de Libertadortes. Em 1984, os dois clubes empataram em primeiro em um grupo de três, que ainda tinha o Universidad de Los Andes, da Venezuela, e fizeram um terceiro jogo para ver que avançava para a final. Com um empate em 0 a 0, o Tricolor avançou devido ao melhor saldo de gols.

No primeiro jogo entre os dois clubes, Osvaldo, duas vezes, Caio, Renato Gaúcho e Tarcísio marcaram na goleada sobre o rubro-negro em Porto Alegre por 5 a 1. Na volta, no Maracanã, Bebeto (duas vezes) e Andrade fizeram para o Flamengo, enquanto Guilherme balançou as redes para o Grêmio. Na decisão, o Independiente, da Argentina, superou o Grêmio.

Em 1988, o Tricolor eliminou o Flamengo nas quartas de final do Campeonato Brasileiro, com um 0 a 0 no Rio e 1 a 0, no Olímpico. Um ano depois, os cariocas foram eliminados na semifinal do Copa do Brasil com um 2 a 2, no Maracanã, e um sonoro 6 a 1 para a equipe de Cláudio Duarte no Olímpico.

Em 1992, o Flamengo eliminou o Tricolor nas oitavas da Supercopa. No ano seguinte e em 1995, o Grêmio eliminou o adversário carioca nas semifinais da Copa do Brasil. A última vez que o Grêmio levou vantagem em eliminatórias sobre o rubro-negro foi em 1997, na conquista do tricampeonato do torneio nacional. Após um 0 a 0 no Olímpico, o time comandado por Evaristo de Macedo empatou em 2 a 2 no Rio de Janeiro e conquistou a taça.

Nas últimas quatro vezes, os cariocas levaram a melhor. Em 1999, nas oitavas da Copa do Brasil, sob as orientações de Celso Roth, derrota no Olímpico, por 2 a 1, e empate no Maracanã, em 2 a 2. Dois anos depois, o embate foi pela Mercosul e a derrota foi nos pênaltis, por 5 a 3, depois de um 2 a 2 no Rio e 0 a 0, no Olímpico. 

No ano passado, o Grêmio largou na frente com Luan, mas sofreu um gol de Lincoln nos acréscimos e o primeiro jogo, na Arena, terminou empatado. Na volta, o Flamengo venceu com gol de Everton Ribeiro e ficou com a vaga.

“O Flamengo está de parabéns, mas o Grêmio também está, pois sem gastar, mais uma vez, está na semifinal da Libertadores. Quem é o favorito? Não vou jogar conversa fora… o favorito é o Flamengo, pelo elenco que tem. Se ele vai passar é outra história”, afirmou Renato Portaluppi.

Última derrota em casa ocorreu em 2004

O Grêmio não perde em casa para o Flamengo desde 2004. No período, foram 10 vitórias para o Tricolor e quatro empates. Analisando todo o histórico, o clube gaúcho também leva vantagem com 39 vitórias, 36 empates e 34 derrotas. Como mandante, tem 63% dos pontos conquistados e como visitante 32,2%

“Será um grande jogo de 180 minutos com duas equipes que buscam o gol. Quem ganhará com tudo isso serão os torcedores. Infelizmente, só uma vai passar. Poderia ser uma final de Libertadores, mas quem passar vai representar bem o país”, concluiu o técnico.

O Grêmio volta aos treinamentos nesta terça-feira, às 15h, com a primeira parte fechada. Após a atividade, o técnico gremista concede entrevista. O jogo está marcado para quarta-feira, às 21h30min, na Arena.

• Confira os confrontos eliminatórios entre Grêmio e Flamengo

1982 – Flamengo conquista o Campeonato Brasileiro sobre o Grêmio.
1984 – Grêmio elimina o Flamengo na semifinal da Copa Libertadores da América.
1988 – Grêmio elimina o Flamengo nas quartas de final do Campeonato Brasileiro.
1989 – Grêmio elimina o Flamengo na semifinal do Copa do Brasil.
1992 – Flamengo elimina o Grêmio nas oitavas de final da Supercopa.
1993 – Grêmio elimina o Flamengo na semifinal do Copa do Brasil.
1995 – Grêmio elimina o Flamengo na semifinal do Copa do Brasil.
1997 – Grêmio conquista a Copa do Brasil sobre o Flamengo.
1999 – Flamengo elimina o Grêmio nas oitavas de final da Copa do Brasil.
2001 – Flamengo elimina o Grêmio na semifinal da Copa Mercosul.
2004 – Flamengo elimina o Grêmio nas quartas de final da Copa do Brasil.
2018 – Flamengo elimina o Grêmio nas quartas de final da Copa do Brasil.



Veja também