O Grêmio deve reavaliar o aproveitamento de Marinho para uma possível negociação com o Santos. Após o técnico Renato Gaúcho negar a inclusão do atacante em uma troca para ter o zagueiro David Braz, mas existe o interesse por parte do clube paulista em contar com o jogador tricolor.

Na quinta-feira, Renato confirmou a investida gremista no defensor santista que está emprestado ao Sivasspor, da Turquia. Como o contrato dele vai até agosto de 2020 e sua utilização não faz parte dos planos do técnico Jorge Sampaoli, a direção do Santos teria interesse em negociá-lo. Porém, agora está na mesa a possível troca por Marinho, com características próximas às que agradam ao treinador argentino.

A direção gremista ainda acerta os moldes da contratação e não há nada definido. O certo é que David Braz está no topo da lista de zagueiros pretendidos pelo Grêmio para suprir a carência na posição dentro do elenco. No entanto, Portaluppi não gostaria de abrir mão de Marinho, um dos principais reforços do Tricolor em 2018.

O assédio santista, que aumentou nos últimos dias, pode mudar esta convicção. Até porque Marinho começou a temporada como titular e chegou a figurar entre os principais artilheiros da equipe. Mas uma lesão o afastou dos gramados e, em seu retorno, acabou ultrapassado por Alisson, Diego Tardelli e Montoya.

– Quanto ao Marinho, não adianta dar minha opinião se não chegou através do Santos. É especulação através da imprensa. Não sei se o Santos está pensando sobre isso. Vou me manifestar como a diretoria, quando o Santos se manifestar, realmente aí podemos dar a nossa opinião – afirmou Renato Gaúcho na quinta-feira.

Enquanto conversam, Grêmio e Santos têm compromissos no fim de semana pela quinta rodada do Brasileirão. O Peixe enfrenta o Palmeiras, no sábado, às 19h, no Pacaembu. O Tricolor será adversário do Ceará no domingo, em Fortaleza, também às 19h.


Comentários