Por Giovani Mattiollo
- Às 07:45
8

Infoesporte

A eliminação na Copa do Brasil faz o Grêmio ter a oportunidade de visualizar um novo caminho no Campeonato Brasileiro. Para disputar a Libertadores pelo quarto ano consecutivo – sem depender do título de 2019 –, o Tricolor precisa de uma arrancada na competição nacional. Os cenários atuais indicam a necessidade de um aproveitamento de 70%.

Atualmente, o clube gaúcho é o 11º colocado, com 22 pontos, e encara o Cruzeiro na manhã de domingo, no Independência, pela 18ª rodada. Está 14 pontos atrás de Flamengo e Santos, os dois líderes, e a nove do São Paulo, o quarto colocado. O sexto, último a ir para a primeira fase da Libertadores, no momento é o Inter, com 27.

O Grêmio esteve nas últimas três edições da Libertadores, todas com presença na semifinal. Entre 1995 e 1998, bateu seu recorde, com quatro disputas seguidas e um título conquistado. Para igualar mais essa marca, Renato e companhia precisarão de uma arrancada de líder no Brasileirão. No momento, Flamengo e Santos contabilizam 70,6% de aproveitamento.

– Primeiramente, somar pontos para brigar ali em cima, estar no pelotão e não se desgarrar. Tem muita água para rolar, faltam dois jogos para acabar o primeiro turno. É muita coisa, muitos pontos a serem disputados. Não tem muito a escolher, é pontuar o máximo possível – aponta Everton

Veja abaixo a matemática do Grêmio:

David Braz e Diego Tardelli em treino do Grêmio em Minas Gerais — Foto: Rodrigo Fatturi/DVG/Grêmio

David Braz e Diego Tardelli em treino do Grêmio em Minas Gerais — Foto: Rodrigo Fatturi/DVG/Grêmio

Aproveitamento de 2019

A quarta colocação dá classificação direta para a fase de grupos da Libertadores. O São Paulo ostenta aproveitamento atual de 60,8%.

Se mantiver esse rendimento, o time de Cuca chegaria aos 69 pontos ao final das 38 rodadas. Para igualar estes números, o Grêmio precisaria de mais 47 pontos nos próximos 63 em disputa. Ou aproveitamento de 74%.

Contas da UFMG

A Faculdade de Matemática da Universidade Federal de Minas Gerais mantém um acompanhamento do Campeonato Brasileiro e suas probabilidades. Conforme o departamento, o clube que atingir os 67 pontos estará pelo menos na primeira fase da Libertadores, dentro do G-6.

Atualmente, o Grêmio tem 13,3% de chances de buscar essa classificação, segundo os matemáticos mineiros. Para chegar aos 67 apontados pela UFMG, o time de Renato Gaúcho precisa conquistar 45 pontos nos próximos 63. Um aproveitamento de 71,42%.

Brasileiro do ano passado

Em 2018, o quarto colocado teve 66 pontos. Foi o próprio Grêmio a buscar a quarta vaga para a Libertadores. Para repetir o rendimento em 2019, o Tricolor teria de acumular mais 44 pontos. Esta possibilidade é a de menor aproveitamento necessário: 69,84%.

Média de 2009 até agora

A média das últimas nove edições do Campeonato Brasileiro apresentam o quarto colocado com 70 pontos, o número mais alto das estimativas. Para atingir este patamar, o Tricolor é obrigado a somar mais 46 pontos nas próximas 21 rodadas. Um aproveitamento de 76%.


Comentários