O volante Michel falou sobre a preparação para a partida decisiva diante do Juventude, válida pelas oitavas de final da Copa do Brasil. O jogador pediu o time “ligado” no confronto. “Vamos com o ânimo renovado para o mata-mata. Vamos focar e estar atentos a cada detalhe do jogo, para tomar a melhor decisão, a melhor escolha sempre. Não tem nada definido”, projetou.

O volante destacou a boa atuação, especialmente no primeiro tempo, contra o Atlético-MG. De acordo com o ele, a vitória deu confiança para o confronto de mata-mata: “Apresentamos um bom futebol. Sabíamos que o resultado viria em algum momento. Conseguimos ficar em cima, fazer o gol e sair com a vitória”. O Grêmio precisa vencer, por qualquer placar, para avançar às quartas da Copa do Brasil. 

Sobre as atuações na zaga, Michel minimizou os gols contra, e disse não ter sentido porque, segundo ele, não é algo que abala o jogador. Ele elogiou, ainda, o trabalho feito pelo zagueiro Rodriguez, que teve a primeira oportunidade contra o Galo. “Me sinto melhor de volante, mas deixo a decisão pro Renato”, finalizou.

Vizeu se coloca a disposição e quer “aproveitar oportunidades”

Outro jogador que ganhou confiança desde o último jogo, diante do Atlético-MG, foi Felipe Vizeu. O atacante marcou o gol da vitória e voltou a balançar as redes depois de três meses de jejum. O atacante deve ser o titular da posição, já que André parece perder espaço por conta das atuações abaixo da média. Vizeu se colocou a disposição do técnico Renato Portaluppi, e falou em volta da confiança. 

Vizeu também projetou o jogo contra o Juventude, válido pelas oitavas de final da Copa do Brasil. “É uma partida diferente por ser mata mata. Temos que ter tranquilidade e competir, sem relaxar em nenhum momento”, finalizou. 



Veja também