Por Giovani Mattiollo
- Às 08:34
6

Lucas Uebel/DVG/Grêmio

De fato, a grande área não é a preferência de Thonny Anderson. Desde que chegou ao Grêmio, tem atuado mais como centroavante do que em sua posição de origem. Mais “cascudo”, o atleta conta que o técnico Renato Gaúcho tem ajudado em sua evolução como camisa 9.

estreia no Gauchão neste domingo será diante do Novo Hamburgo, às 17h, no estádio do Vale. Renato Gaúcho irá utilizar o time alternativo no início da competição. Nesta equipe, o centroavante titular é Thonny Anderson.

Após o último treino antes da estreia, o atleta concedeu entrevista coletiva e falou sobre o início da temporada. Para Thonny, essas oportunidades são essenciais para mostrar que pode ter “espaço”entre os titulares e quem sabe buscar uma vaga para disputar Libertadores e Copa do Brasil.

— Para gente que não vinha jogando no final do ano passado, é muito importante começar tendo ritmo. É bom estar sendo visto, mostrar trabalho para o professor. Quem sabe uma oportunidade numa Libertadores ou numa Copa do Brasil, Brasileiro. Enfim, estamos mostrando que podemos ter o espaço também ali com os titulares — disse.

 — Foto: Lucas Uebel/DVG/Grêmio

— Foto: Lucas Uebel/DVG/Grêmio

Recentemente o Grêmio testou o time alternativo num jogo-treino diante do Sindicato dos Atletas. Considerado como a “aposta de Renato”, o grande destaque da goleada de 8 a 0 foi Thonny Anderson, com quatro gols e uma assistência.

Quando questionado sobre onde se sente melhor dentro de campo, num primeiro momento Thonny exitou em responder. Mas depois disse que não fugiria da resposta e revelou sua preferência de jogar “vindo de trás”.

—Sendo bem sincero, deixo para o professor decidir isso aí. Mas não vou fugir da pergunta não. Prefiro vindo de trás, tenho mais visão do jogo. Mas como venho falando desde o ano passado, me sinto bem a vontade de centroavante também. O Renato vai passar também as instruções ali e para eu melhorar na posição. Vim jogando no ano passado, espero melhorar esse ano, já estou um pouquinho mais cascudo do que ano passado. Pretendo não cometer os mesmos erros e buscar o que fiz de bom do ano passado para esse ano — disse o atleta em entrevista coletiva.


Comentários