Por Giovani Mattiollo
- Às 06:31
29

Foto: Eduardo Moura

A vitória em pleno Monumental de Nuñez, na Argentina, serve de inspiração para o Campeonato Brasileiro. O time reserva do Grêmio, que deve ter o reforço de Walter Kannemann, usa a partida da Libertadores como exemplo de dedicação e postura para o duelo deste sábado, contra o Sport, pelo Brasileirão.

O lateral-esquerdo Juninho Capixaba deu o tom em sua entrevista coletiva na tarde desta quinta-feira. Provável titular, o autor de dois gols e uma assistência pelo Grêmio citou que o time precisa ter características apresentadas no jogo da Argentina.

– Podemos trazer um pouco do jogo da Libertadores, o time fez uma excelente partida. Ganhar lá no Monumental é muito difícil, temos que trazer um pouco das coisas boas. Guerreamos, o time sofreu quando tivemos que sofrer. E a bola parada decidiu – comentou o lateral-esquerdo.

Apesar de ser entre dois jogos da semifinal da Libertadores, o grupo tenta manter o foco no Sport para continuar entre os primeiros colocados do Brasileirão. Atualmente, o Grêmio é o quinto, com 52 pontos, um atrás do São Paulo. O objetivo é buscar a vaga direta na Libertadores pelo G-4.

– Temos focado muito no Brasileiro, tanto o time alternativo quanto o titular. Se a gente fizer um bom jogo, sair com os três pontos, é um passo a mais. Estamos pensando no jogo com o Sport, é o nosso primeiro foco. É fazer um bom jogo, sair com os três pontos, e depois pensar na terça – completou o lateral.

A provável escalação gremista tem: Paulo Victor; Madson, Paulo Miranda, Kannemann e Juninho Capixaba; Kaio, Matheus Henrique, Thaciano, Jean Pyerre e Pepê; Thonny Anderson. O duelo contra o Sport, na Arena, está marcado para as 16h30 de sábado.


Comentários