Por Giovani Mattiollo
- Às 23:37
44

JAVIER GONZALEZ TOLEDO / AFP

O Grêmio entrou em campo na noite desta terça-feira diante do Estudiantes em Quilmes na Argentina pela partida de ida das oitavas de final da Copa Libertadores e acabou derrotado por 2 a 1. O time argentino chegou a abrir 2 a 0, mas Kannemann descontou, dando gás ao Tricolor que dominou a etapa final, principalmente após a expulsão de Zuqui, mas o empate, não veio.

O jogo de volta é no fim do mês, dia 28, terça, às 21h45 na Arena do Grêmio e o Tricolor precisa de uma vitória simples.

Escalação inicial: Grohe; Léo Moura, Geromel, Kannemann e Marcelo Oliveira; Maicon, Cícero, Ramiro, Luan e Pepê; André

PRIMEIRO TEMPO
O Grêmio iniciou melhor a partida, tendo as ações do jogo e com uma grande chance aos 7 minutos com André, que teve uma chance na frente do gol após falha da defesa argentina mas acabou mandando para fora. Como quem não faz toma, um minuto depois, Apalaoza acertou um belo chute de fora da área e abriu o placar.

O Tricolor seguiu com mais posse de bola, no entanto, não conseguia criar oportunidades claras de gol. O time da casa, aos poucos, passou a pressionar mais e a chegar com perigo, principalmente em contra-ataques. A pressão em certo momento foi tanta que surtiu efeito.

Aos 37 minutos, após cobrança de escanteio, Campi se antecipou a marcação e cabeceou bem, no contrapé de Grohe, ampliando o placar. O Grêmio conseguiu reagir e aos 43 minutos, após cobrança de escanteio, André cabeceou e o goleiro espalmou, Kannemann pegou a sobra e descontou para o Tricolor.

JAVIER GONZALEZ TOLEDO / AFP

SEGUNDO TEMPO
Logo aos 4 minutos, André recebeu lançamento, driblou a marcação dentro da área e bateu cruzado, a bola passou rente a trave. O jogo estava bastante equilibrado e o Estudiantes mantinha a posse de bola, mas também já não assustava o goleiro Marcelo Grohe.

O técnico Renato colocou Jael no lugar de André aos 17 minutos. Aos 21, após bate rebate na área, a bola sobrou para Cícero na cara do gol, mas ele pegou muito mal na bola e facilitou para o goleiro, perdendo uma grande chance de empatar.

Marinho entrou no lugar de Pepê aos 26 minutos. Aos 28, Marinho cruzou bem, na segunda trave onde estava Jael, livre. O atacante cabeceou em cima do goleiro, perdendo uma grande oportunidade.

Aos 31, Zuqui fez falta dura em Kannemann e recebeu o segundo amarelo, sendo expulso de campo. Aos 34, Douglas entrou em campo no lugar de Luan, lesionado. O Grêmio se lançou ao ataque no fim do jogo em busca do empate, mas acabou não tendo sucesso.


Comentários