Por Giovani Mattiollo
- Às 11:35
6

O meia Thonny Anderson, que completou 21 anos no último dia 27, seguirá no Grêmio. O jogador, que estava emprestado pelo Cruzeiro ao Tricolor desde janeiro do ano passado (fez parte da negociação que levou o lateral-direito Edilson para a Raposa), teve mais 20% dos direitos econômicos adquiridos pelo clube gaúcho, que exerceu o direito de compra, por R$ 500 mil. O contrato que será assinado deve valer até o fim de 2022.

Grêmio passa a ser detentor de 50% dos direitos de Thonny Anderson — Foto: Lucas Uebel/Grêmio

Grêmio passa a ser detentor de 50% dos direitos de Thonny Anderson — Foto: Lucas Uebel/Grêmio

O Cruzeiro, que detinha 70% dos direitos antes de cedê-lo ao Grêmio, passou a ter 40%, já que 30% passaram a ser do clube gaúcho quando Edilson foi para a Toca da Raposa e Thonny Anderson foi emprestado ao Tricolor. Na negociação, o meia Alisson também foi definitivamente para o Sul. Com a compra, o Grêmio passa a ter 50% dos direitos do jogador, enquanto a Raposa fica com 20%. O restante pertence ao grupo que trabalha com o jogador.

Na temporada, Thonny Anderson fez 32 partidas e marcou cinco gols. O meia foi formado nas categorias de base do Cruzeiro, seria observado no elenco profissionail da Raposa, mas foi envolvido na negociação pelo lateral Edilson.


Comentários