Dentro de um dia, o Grêmio vai para nova rodada de tensão e satisfação ao disputar a terceira semifinal consecutiva de Libertadores. O trabalho a longo prazo de Renato Gaúcho é um dos trunfos para o clube gaúcho superar o Flamengo e chegar a mais uma final. Na equipe titular, são quatro remanescentes das últimas duas vezes em que chegou a esta fase da competição.

“Favorito, pelo elenco que tem, é o Flamengo. É o Flamengo que vai passar? Aí e outra história” (Renato Gaúcho)
 
Bruno Cortez e Everton participaram das últimas duas semifinais — Foto: Lucas Uebel/Grêmio

Bruno Cortez e Everton participaram das últimas duas semifinais — Foto: Lucas Uebel/Grêmio

A espinha dorsal para o jogo de quarta-feira, na Arena, tem Kannemann, Cortez, Michel e Everton. O quarteto esteve nos duelos com Barcelona-EQU, em 2017, e contra o River Plate, em 2018, pelo menos em alguns minutos. Há, também, outros jogadores presentes em uma ou outra semifinal (confira abaixo).

– Não tem vantagem para ninguém. O Flamengo tem um bom elenco, nosso grupo está há três anos junto, estamos em mais uma semifinal, nos conhecemos muito bem. Todo mundo sabe do respeito que temos pelo adversário. Mas não podemos mudar nossa postura, ainda mais jogando em casa, com o apoio dos nossos torcedores – comenta Bruno Cortez.

Os remanescentes

  • 2017: Léo Moura (entrou no jogo de ida), Geromel, Kannemann, Cortez, Michel (entrou na ida e na volta), Luan e Everton (entrou no jogo de volta).
  • 2018: Leonardo, Geromel, Kannemann, Cortez, Michel, Maicon, Everton, Alisson, Thaciano (entrou na ida e na volta) e Paulo Miranda.
Provável time: Paulo Victor; Galhardo, David Braz, Kannemann e Cortez; Michel, Matheus Henrique, Alisson, Luan e Everton; Diego Tardelli.

Geromel, outro que estava nas duas outras edições, se recupera de lesão muscular e está praticamente fora da partida. Luan, Rei da América em 2017, não enfrentou o River Plate no ano passado também por problema físico.

Luan, Cortez e Kannemann seguem no elenco do Grêmio — Foto: Lucas Uebel/Grêmio

Luan, Cortez e Kannemann seguem no elenco do Grêmio — Foto: Lucas Uebel/Grêmio

No restante da lista de 2018, Leonardo não joga mais na temporada após romper o ligamento cruzado do joelho direito. Maicon deve começar no banco de reservas, assim como Thaciano e Paulo Miranda. Já Alisson volta ao time após preservações contra Avaí e Fluminense, pelo Brasileirão.

O trabalho de longo prazo contrasta com o adversário. O Flamengo tem oito jogadores contratados nesta temporada no seu time titular: Rafinha, Rodrigo Caio, Pablo Marí, Filipe Luís, Gerson, Arrascaeta, Bruno Henrique e Gabigol. Sem contar o trabalho de Jorge Jesus, iniciado no início de junho, contra os três anos de Renato no comando do Grêmio.

– O Grêmio, nos últimos três anos, chegou na semifinal. Em 2017, conquistamos a Libertadores. Em termos de experiência, o Grêmio está acostumado a decisões. O Flamengo também. Só que eles têm grande vantagem, buscaram os melhores. Favorito, pelo elenco que tem, é o Flamengo. É o Flamengo que vai passar? Aí e outra história – destacou Renato.

O elenco gremista fará o último treino na tarde desta terça-feira, na Arena, com portões fechados. Após, o treinador irá conceder entrevista coletiva. As duas equipes se enfrentam pela partida de ida da semifinal da Libertadores na quarta, às 21h30.



Veja também