Por Giovani Mattiollo
- Às 18:50
8

O Grêmio terá um reforço de peso para o duelo com o Cruzeiro próximo domingo, no Independência, pelo Brasileirão. O atacante Everton retorna ao time após cumprir suspensão na eliminação para o Athletico na Copa do Brasil, na última quarta. O Cebolinha concedeu entrevista pela primeira vez após o fechamento da janela de transferências e rechaçou qualquer frustração por não ter sido negociado. Ele também falou da volta de Neymar para a seleção brasileira.

O presidente Romildo Bolzan Júnior confirmou duas propostas recusadas pelo Grêmio: do Beijing Guoan, da China, e também do Milan, com valores abaixo das intenções do Tricolor. Mas diversos clubes procuraram saber da situação do atacante, como o Atlético de Madrid e o Napoli. Nada, porém, que frustre o atleta. No período da janela, o jogador ficou afastado das entrevistas a pedido do técnico Renato Gaúcho.

– Não (frustra). Muito pelo contrário. No momento que eu fosse sair, teria que ser algo bom para o clube e para mim, não algo que não agradou nenhuma das duas partes. Creio que não tenha porque ficar ansioso ou questionando. Creio que as coisas acontecem no momento certo – destacou Everton em entrevista coletiva após o treino do time em Belo Horizonte

Na torcida por Neymar

Everton brilhou com o Brasil na Copa América — Foto: REUTERS/Henry Romero

Everton brilhou com o Brasil na Copa América — Foto: REUTERS/Henry Romero

Everton também comentou sobre a seleção brasileira, que encara a Colômbia em amistoso nesta sexta-feira. Depois do sucesso na Copa América, Cebolinha foi questionado sobre o retorno de Neymar, a quem substituiu.

– Pude me preparar bem, fazer um bom trabalho na ausência dele. É um jogador de qualidade indispensável, um cara que é o líder técnico, talvez nossa maior qualidade dentro do Brasil, dentro da Seleção. Que ele possa dar a volta por cima e mostrar o que ele sabe – comentou.

O Grêmio ainda treina neste sábado antes do confronto com o Cruzeiro, às 11h de domingo, no Independência. O Tricolor deve escalar os titulares depois da eliminação na Copa do Brasil. Leonardo e Maicon, machucados, seguem fora.

 

Comentários