Por Giovani Mattiollo
- Às 20:42
4

Foto: Divulgação/Boca Juniorsmas

A negociação entre Grêmio e Boca Juniors pelo lateral-esquerdo Emmanuel Mas pode demorar mais que o esperado para se concretizar. O entrave para o acerto ocorre pela preferência do clube argentino de negociar o jogador em definitivo.

A proposta apresentada pelo Grêmio para o Boca para ter Emmanuel Mas é de empréstimo de um ano com um valor fixado para compra no final de 2019. Inicialmente, o clube portenho manifestou desejo de aumentar os valores da negociação nesses moldes. Agora, porém, os argentinos tentam uma venda dos direitos do jogador já na atual janela para o Grêmio ou outro clube. O San Lorenzo, onde Mas foi campeão da Libertadores em 2014, também tem interesse no atleta.

O Boca Juniors pagou 2,5 milhões de dólares para contratar Emmanuel Mas no começo de 2018. De acordo com informações de jornalistas argentinos, uma proposta de 2 milhões de dólares (R$ 7,4 milhões) seria suficiente para o clube aceitar vender o jogador. Mesmo assim, o valor é alto. Vale lembrar que o Cruzeiro pediu R$ 8 milhões por Thiago Neves, um valor que inicialmente o Grêmio não aceitou pagar.

Mesmo envolvido em negociação, Emmanuel Mas foi relacionado para a pré-temporada do Boca Juniors. O fato de contar com outros dois laterais esquerdos no elenco, Lucas Olaza e Frank Fabra, faz com que o clube argentino tenha o interesse em negociar Mas.


Comentários