As mudanças que o Grêmio pode ter no time até a partida de volta contra o Flamengo

Confronto, que decide o finalista brasileiro da Libertadores, ocorre apenas no próximo dia 23

3 de outubro de 2019 - Às 12:13
Lucas Uebel / Grêmio,divulgação

Faltam exatamente 20 dias para o novo encontro entre Grêmio e Flamengo, pelas semifinais da Libertadores. O espaçamento entre os dois duelos, três semanas, dá margem à recuperação de atletas que não puderam jogar na Arena. O Tricolor, que teve três desfalques por lesão, espera contar com até dois retornos para a partida da volta.

O jogador mais próximo de atuar é Pedro Geromel. O zagueiro está em fase final de recuperação de lesão muscular na coxa direita, sofrida há quase um mês, e na próxima semana deve entrar em campo para readquirir ritmo de jogo. Ele deve retomar não só a titularidade, mas também a braçadeira de capitão para o duelo no Rio de Janeiro. Com isso, David Braz volta para o banco de reservas.

Com menos chance de voltar, Jean Pyerre também corre contra o tempo para encarar o Flamengo. O meia sentiu uma lesão muscular, também na coxa direita, antes de encarar o Santos há duas semanas. O prazo inicial de retorno foi ampliado e não há otimismo para contar com o camisa 21. Por outro lado, Luan vem retomando o bom rendimento.

Outra recuperação aguardada pela comissão técnica é a de Maicon. O volante sofreu uma lesão muscular na panturrilha há mais de um mês, quando o Tricolor eliminou o Palmeiras nas quartas de final da Libertadores, e desde então atuou somente nos minutos finais do jogo de ida contra o Flamengo.

Segundo Renato Portaluppi, o líder do vestiário ainda estava com dores no joelho, o que limitava seus movimentos. Com o prazo esticado para o jogo decisivo, Maicon também pode ganhar ritmo e virar mais uma opção para o meio-campo. Caso seja titular, Michel pode ir para o banco.

Uma troca pode ser promovida por critério técnico. Na hierarquia da lateral direita, Léo Moura esteve frequentemente à frente de Rafael Galhardo. Como não recuperou a melhor forma física, ficou entre os suplentes na Arena. Porém, com o intervalo entre as datas dos jogos, é possível que assuma o flanco mais uma vez.

Serão cinco partidas pelo Campeonato Brasileiro até o enfrentamento que pode colocar o Grêmio em sua sexta final de Libertadores. Além de seguir a busca por espaço no G-6, o clube vê nos compromissos passos importantes dentro do planejamento para recuperação clínica e física dos atletas.

Confira a tabela do Grêmio até a partida contra o Flamengo:

5/10 – Corinthians, às 19h (Arena)
9/10 – Ceará, às 21h (Arena)
13/10 – Atlético-MG, às 19h (Independência)
16/10 – Bahia, às 19h15min (Arena)
19/10 – Fortaleza, às 17h (Castelão)



Veja também