Por Giovani Mattiollo
- Às 06:25
1

Foto: Eduardo Moura

O Grêmio perdeu por 1 a 0 para a Universidad Catolica e mereceu. Renato Gaúcho foi contundente ao admitir a fraca jornada da equipe na noite desta quinta-feira, em Santiago, no Chile, pela terceira rodada da Libertadores. O técnico deixou claro o descontentamento em mais um resultado negativo, que deixa a equipe em situação delicada.

Pouco depois do término da partida, Renato apareceu na sala de entrevistas no estádio. A cada frase, evidenciava a irritação. Reconheceu que o Tricolor está em débito, apesar de não apontar a culpa para jogadores individualmente. O sistema foi quem sucumbiu.

– Quando as coisas não dão certo o problema é geral. Deu pane no nosso time. Deixamos a zaga exposta. Uma vez ou outra o adversário conseguirá cabecear. São coisas que ocorrem. Não estivemos bem. Ficamos bem abaixo do que podemos produzir. A vitória da Católica foi bem merecida – disse.

Renato seguiu com a explanação de inconformidade. Um dos principais alvos decorria da dificuldade de acertar passes. Sincero, não viu o time com força para ter outro resultado que não fosse o a derrota. Apesar disso, ainda confia na reviravolta.

– Continuar trabalhando em busca de vitórias que nos deem a classificação. A equipe não esteve bem, muito abaixo do que pode apresentar. Errou muitos passes. Infelizmente, hoje não deu nada certo. Não apresentamos nada que fizesse sair com o resultado a nosso favor – emendou.

Em meio à entrevista, ainda deixou aberta a possibilidade de promover mudanças na escalação. O treinador afirmou que todos os jogadores recebem chances para mostrar suas virtudes e, quem não corresponder, cairá na hierarquia.

– Todo mundo tem oportunidades. Eu falo para aproveitar. Cada um precisa demonstrar que tem condições de começar a próxima partida. O grupo é muito qualificado. Não há problema de idade, salário, nome. Sempre joga o melhor – finalizou.

À espera de uma mudança de rumos, o Tricolor segue sem ganhar, soma um ponto e ocupa o terceiro lugar do Grupo H da Libertadores. A Universidad Católica tem seis e está em segundo. Na próxima rodada, o Grêmio recebe o lanterna Rosario Central, na Arena. O jogo será disputado na quarta, às 21h30, na Arena. Antes, no entanto, voltam a concentrar forças no Gauchão. Neste domingo, recebe o São Luiz na Arena pelas semifinais.


Comentários