Por Giovani Mattiollo
- Às 06:31
35

Foto: Eduardo Moura

O apito final soou, mas o Gre-Nal não acabou. Até porque, depois do 0 a 0 no domingo, haverá mais um clássico na quarta-feira para definir o campeão gaúcho de 2019. Só que os efeitos da discussão entre Renato Gaúcho e Cuesta ainda são sentidos. Nos dois lados.

Depois das declarações ainda no Beira-Rio, foi a vez de Edenílson se manifestar contrariamente à postura do técnico tricolor na tarde desta segunda. Alisson, por sua vez, saiu em defesa do comandante em entrevista coletiva no CT Luiz Carvalho.

A briga “falada” já é quase típica do Gre-Nal. Edenílson disse que Renato gosta de “dar seu show” na beira do gramado, ao comentar a discussão com o argentino Víctor Cuesta. Alisson foi questionado sobre o assunto e disse que prefere é jogar.

– Quando se tem Gre-Nal, não tem jeito, ainda mais uma final. A disputa vai estar ali, não só em jogadores, mas treinadores também. Os dois fazem de tudo para o time vencer. O Renato está ali com a gente, nos orienta, nos motiva. Às vezes, o Odair faz essas coisas também. Que eles fiquem falando e a gente possa continuar jogando, mostrando nosso futebol, que é o que sabemos fazer – analisou o meia-atacante.

Em sua entrevista coletiva após o empate, Renato disse que não se acha mais malandro que ninguém, mas que não era “otário”. O jogador gremista também foi questionado sobre a “malandragem” do treinador.

– Se o Renato conquistou o que conquistou, é pela experiência e inteligência que ele tem. Sabe lidar com situações desafiadoras. Que ele continue deste jeito, usando sua malandragem. Não faz isso para sacanear ninguém, é uma grande pessoa. É muito inteligente, que possa continuar nos ensinando e a gente possa colocar em prática também – destacou Alisson.

Titular no clássico, Alisson vive rotina de indefinição ao alternar jogos com Diego Tardelli. Essa dúvida persistirá até a quarta-feira. Renato já deixou clara a intenção de variar as características dos atletas utilizados no setor dependendo do jogo.

O elenco gremista volta a treinar na tarde desta terça-feira, no CT Luiz Carvalho. Grêmio e Inter fazem a partida decisiva do estadual às 21h30 de quarta, na Arena. Quem vencer, leva a taça. Se houver qualquer empate, o título será decidido nos pênaltis.


Comentários